Sitrampa solicita pagamento do adicional de penosidade para monitores

O Sitrampa enviou ao Executivo esclarecimentos que reforçam a necessidade de conceder o adicional de penosidade aos servidores(as) municipais que atuam no cargo de monitor.

 

Tem direito a receber o adicional de penosidade aquele trabalhador cuja função requer maior grau de sacrifício e vigilância, com trabalho exaustivo, pesado e de difícil exercício. De forma geral, todas as atividades cujo esforço é cansativo ou com muitas dificuldades na sua realização são consideradas penosas.

 

A penosidade muitas vezes envolve o exercício de atividades que colocam em risco a saúde mental dos trabalhadores, o que acarreta também o adoecimento físico. Neste sentido, estados de estresse estão presentes, por exemplo, em atividades desenvolvidas por trabalhadores que têm sob sua responsabilidade vidas humanas.

 

No caso dos monitores, entre as atribuições do cargo está a tarefa de orientar, velar e acompanhar as crianças e adolescentes recolhidas nas Casas Lares do município, executar programas sócio familiares, e atuar em escalas de plantão para atender crianças e adolescentes. O cargo é de extrema responsabilidade e desgastante emocionalmente, além de que o funcionamento 24h desses espaços configura um constante envolvimento.

 

Desta forma, em virtude do desgaste emocional decorrente das atividades que englobam o cargo de monitor, se faz cada vez mais necessário a concessão do adicional de penosidade.

 

Confira o requerimento na íntegra

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

quatro × um =