Após ofício do Sitrampa, Prefeitura reconhece erro sobre pagamento retroativo do magistério

O Sitrampa enviou ofício à Prefeitura, no dia 2 de maio, informando que recebeu inúmeras reclamações dos profissionais do magistério, referentes ao pagamento retroativo ao mês de janeiro, do reajuste previsto no acordo da Data-Base deste ano.

Verificando os contracheques do DOC II Letra A da categoria funcional do suporte pedagógico, foi observada a ausência dos valores retroativos que deveriam considerar os cálculos da Gratificação Especial do Magistério ou Regência de Classe, Complementação Salarial e Diferença de Salário Base. O erro também atingiu outros profissionais da Educação, como professores do quadro efetivo, referente ao início de carreira, e também profissionais ACTs.

Tão logo recebeu o ofício, o Executivo municipal respondeu ao Sitrampa informando que foi verificado um erro ocorrido no lançamento do referido reajuste. Na resposta, a Secretária Executiva de Gestão de Pessoas, Michelle Volpato Ribeiro, afirma que será encaminhado para a folha de pagamento a fim de que ocorra a devida correção, a ser lançada para o próximo mês de pagamento.

O presidente do Sitrampa, Everton Sotero, reforça que o sindicato está atento ao cumprimento dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras do serviço público municipal, e que toda possível irregularidade deve ser comunicada à entidade.

Acesse o ofício enviado pelo Sitrampa aqui.

Acesse a resposta do Executivo aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 × 2 =